13 setembro 2008

ETIÓPIA ELIMINADA DA COPA DO MUNDO

Não tem jeito.
Tenho que falar de futebol.
Nem é do Manto Sagrado que já está voltando para série A, dois meses antes do final do campeonato.
Não é também por falta de assunto, mas pela tragicomicidade da notícia.
A Etiópia foi eliminada das eliminatórias da Copa de 2010, devido a problemas internos enfrentado pela Federação Etíope de Futebol.
Resumindo a história, havia irregularidades no comando da Federação.
Não houve eleição para o cargo de presidente da Federação Etíope de Futebol.
Diz a noticia que todos os jogos dos Etíopes foram e serão cancelados e eles ocupavam o terceiro lugar na sua chave, que tinha Marrocos, Mauritânia e Ruanda, onde se classificavam apenas dois para a etapa seguinte.
Apenas para constar, a Eritréia, vizinha da Etiópia, também foi eliminada ou desistiu em outra chave.
Conversei, por telefone, com minha conselheira, dona Yukiko, e ela respondeu que a medida poderia abrir perigosos precedentes.
Podem ser eliminados da copa do Mundo vários países que não elegem presidentes.
A China, a Coréia do Norte, a Líbia entre outros e que a Copa poderia se tornar um fracasso de renda e público.
Expliquei a ela que a eleição era de presidente da Federação de Futebol.
Dona Yukiko me perguntou se na Confederação de Futebol do braziu tem eleição, porque tem o mesmo presidente há tantos anos e se houve eleições para sua prorrogação no cargo, pois seu mandato acabou em 2007 e foi “esticado” até 2014.
Gaguejei, desliguei e liguei para o conselheiro da Pininha, o Sr. Takeo...
Sr. Takeo me disse estar muito preocupado com tudo isso, pois somos o país do futebol, podem aplicar a analogia interpretativa e prorrogar a presidência do braziu, sem eleições.
Aí fui firme na resposta:
Não! Isso não acontecerá. A FIFA nos excluiria da Copa, esquecendo-me que a próxima Copa de 2014 será no braziu, se tivermos estádios ainda de pé.
Afinal a Fonte Nova, em Salvador, está desabando, a Fazendinha não comporta a abertura da Copa, o Pacaembu vive fechado, entre outros.
E o braziu não é a Etiópia, finalizei.Lá há milhões de pessoas que passam fome.
Claro que não, emendou o Takeo. Eles levaram 22 atletas para as Olimpíadas de Pequim e ganharam QUATRO medalhas de ouro e SETE no total. Nós levamos 277 atletas e ganhamos três de ouro e quinze no total.
Fiquei bravo e lhe respondi:
Takeo, tem mais, deus é brazileiro, somos pentacampeões mundiais de futebol. Não vão se meter com a gente.
Takeo se conformou:
Se você está dizendo, vou acreditar, mas que é uma injustiça excluir só a Etiópia da Copa porque não faz eleições na sua federação de futebol, lá isso é.
-------------------------------------------------------------------------------------

Visite meu Blog APOSTOLOS DE PEDRO
http://apostolosdepedro.blogspot.com

Livros à venda nos sites
www.allprint.com.br
www.livrariacultura.com.br
www.ciadoslivros.com.br

2 comentários:

Toninho Moura disse...

Vamos mandar o Ricardo Teixeira para lá!
Braços!

A Senhora disse...

Pedro, tem um presente meu para você lá no meu blog.

beijinhos.