07 novembro 2009

ITANHAEM E SEU POLICIAMENTO OMISSO

Dia de finados...
Depois de passar raiva com a Marcha de Jesus na metrópole resolvi me refugiar pós- feriado em Itanhaém...
O percurso foi divertido... Muito legal rir da desgraça alheia estampada nos quilômetros de congestionamento em sentido contrário...
Paulista adora um congestionamento...
É atávico...
Finalmente, escureceu no horário de verão...
Quase nove horas da noite...
Sossego... Paz finalmente...
Qual o quê!
Três carros tunadíssimos, algumas motos e diversos infratores resolvem fazer uma festa rave à porta do prédio...
Pararam na baia do ônibus...
Os manifestantes destapavam seu ardor sexual, rebolando em cima de uma picape ao som das típicas músicas de gosto duvidoso.
Juro que não fui eu, porque alguém mais ligeiro o fez, chamaram a polícia para restauras a paz...
Duas motos com cidadãos fardados surgiram e sem descer das motos interpelaram os inconvenientes de modo omisso.
Entretanto não cumpriram o que deveriam na legalidade deste “braziu varemnós”...
Senão vejamos as infrações que não foram devidamente coibidas e autuadas...
1 – Estacionamento irregular...
2 – Visível uso de álcool pelos motoristas e motoqueiros...
3 – Perturbação do sossego...
4 – Volume de som acima do permitido pelo Código Brasileiro de Trânsito...
Infrações suficientes para apreender carteiras e apreender veículos, que obviamente não foi feito pelos omissos fiscais da lei...
Só espalharam o problema para outro lugar, se é que alguns acharam algum lugar, tendo em vista um motoqueiro, ter encontrado sérias dificuldades para identificar qual era a frente da moto ao tentar subir para fugir da cena do crime...
Pobre braziu...
Por seus jovens e suas autoridades...

2 comentários:

Anne Lieri disse...

Pedro,infelizmente a coisa anda feia em todo lugar!A violencia e o descaso das autoridades rola solto!Eu mesma fui assaltada há 15 dias atrás,mas antes de levar minha bolsa com todos os documentos e parcos trocados, o motoqueiro fez o favor de me atropelar.Ainda bem que tenho"air bag"...rsss...e só fiquei roxa!...rsss...Coisas do brasiuuuuuuuu!!!...rsss...Sempre bom te ler!Abraços,

Andre Martin disse...

Essa Marcha pra Jesus, deixou um rastro de sujeita na zona norte, que ficou uma zona no dia seguinte para efetuarem a limpeza...
Duvido que Jesus tenha ensinado seus apóstolos, seguidores e marchantes a serem porcos e espalharem sujeira por onde passassem!
Possivelmente, Ele lhes diria: "Levem sempre um saco plástico amarrado à cintura, e tudo que for jogar fora ponha ali e depois jogue tudo fora no local apropriado. Vamos mostrar para o mundo que além de fiéis, são um exemplo dignos de serem seguidos."

Quanto à praia, meu caro, melhor sempre ir fora de temporada, mesmo que esteja frio, chovendo e/ou ventando!