17 junho 2010

COPA – PREFERIA UMA SELEÇÃO BRASILEIRA

A seleção tem cinco do meu time...
Que é isso? O centroavante é nosso.
A base é o time do Santos.
Botafogo!
Santos!
Botafogo...
Em 50 era o Vasco.
Mas quem fez o gol era do Corinthians.
Palmeiras.
Que saudade eu tenho da aurora da minha vida, da minha infância querida onde os jogadores representavam o brazileiro e eu sabia o time inteiro...
Time para nos representar temos.
Rogério Ceni, Miranda, Hernanes, Fernandão, Cicinho, Felipe, Chicão, Roberto Carlos,
Diego Souza, Neymar, Ganso, André, Fernando Henrique, Fred, Léo Moura, Juan, Kleberson, Kleber, Thiago Ribeiro, Diego Tardelli, Tyson, Vitor...
E assim vamos.
Quem dos que estão na África faria tanta falta assim?
Kaká, Lucio, Juan, Julio Cesar.
Os demais com o perdão da má palavra “é tudo japonês”.
A Inglaterra e Alemanha decidiram não levar “estrangeiros”.
Amor à pátria? Nem tanto.
Os pontos positivos?
Não temer colocar o pezinho na dividida.
Ambição de “sair” do país e ganhar mais.
Semear a paixão clubística “pós-copa”.
Aquele mesmo garoto que coleciona figurinhas da seleção vai ter identidade com o atleta de seu time.
Sei lá! Pode até ser saudosismo piegas, mas acredito piamente que um time predominantemente brazileiro não faria papelão na Copa.
Vamos lá:
Vitor, Cicinho, Chicão, Miranda, Roberto Carlos, Kleberson, Hernanes, Ganso, Diego Tardelli, André e Fred.
Que tal?

Um comentário:

Anne Lieri disse...

Pedro,não entendo quase nada de futebol,mas se vc falou,eu acredito!Essa deve ser a melhor seleção!A verdade é que não se fazem mais jogadores como antigamente,aquela coisa de amor pelo time,ao invés de amor pelo dinheiro que irão ganhar!Saudade da Copa de 70!Abraços,